Um futuro distópico não tão distante… Blame!

Atualmente, o tema do mundo pós-apocalíptico anda muito em alta, principalmente depois dos momentos tensos pelo qual passamos nos últimos dois anos. Não é de se admirar que somos atraídos por uma realidade tão distante e que, ao mesmo tempo, é tão relativa à nossa.
MFC blog

MFC blog

07/23/2021

Um futuro distópico não tão distante… Blame!


Atualmente, o tema do mundo pós-apocalíptico anda muito em alta, principalmente depois dos momentos tensos pelo qual passamos nos últimos dois anos. Não é de se admirar que somos atraídos por uma realidade tão distante e que, ao mesmo tempo, é tão relativa à nossa.

Cyberpunk é um gênero de sucesso no mundo dos animes. Geralmente, retrata um mundo dominado pela tecnologia e pelas máquinas onde os humanos são considerados pragas e que, ou estão em extinção ou são superpopulosos, predominando a miséria, a desolação e uma forte opressão social. Infelizmente, não estamos muito longe disso, não é? (É pesado, eu sei ?). Entre os animes mais famosos deste gênero temos Ghost in the Shell, Akira, Cowboy Bebop e Psycho-pass.

Um anime que se destacou ultimamente é o Blame! (2017), baseado no mangá lançado em 1998 por Tsutomu Nihei, o filme foi encomendado pela Netflix e produzido pela Polygon Pictures, sob a direção de Hiroyuki Seshita. A história se passa em um mundo que foi dominado pelas máquinas após os humanos perderem o poder de controlar a tecnologia, tornando-se residentes ilegais e sendo caçados pelos ciborgues. Com a população praticamente extinta, os poucos sobreviventes se refugiaram em um lugar em que as máquinas assassinas não se aproximam. Porém, para conseguirem alimento, devem explorar a cidade que é constituída por diversos níveis e subníveis, controlada pela Torre de Vigilância e patrulhada pelos exterminadores. Com os recursos cada vez mais escassos, um grupo de adolescentes parte em busca de alimentos e acabam encontrando um misterioso humano, Killy, e o que mais querem saber é: como ele conseguiu sobreviver até agora? Para aumentar o mistério, Killy diz estar procurando por pessoas que possuem um certo gene capaz de retomar o comando da cidade.

Apesar de ter sido criticado pelas falhas no roteiro, este anime é considerado um espetáculo visual e um bom começo para adentrar no mundo cyberpunk. Aqui vai ma espiadinha…

Comente aqui quais aspectos mais chamou sua atenção. Siga-nos nas nossas redes sociais para ficar por dentro de todas as novidades.

Leia mais sobre animes aqui

Etiquetas

Lo último

0Comment

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.