Os filmes mais votados da história

 

MFC Playlist

 


 

Seja pelas histórias emocionantes, riqueza técnica ou impacto cultural, o cinema se tornou uma das formas de artes com mais presença e relevância na nossa vida cotidiana. A sua evolução constante teve um impacto imensurável não só no mundo da arte, como também na vida de todos que já gozaram de um bom filme.

 

Entre os milhares de filmes que existem, há 5 que se destacam entre os mais votados pela crítica do famoso site de informações cinematográficas, o Internet Movie Database (IMDb).

 

Portanto, para celebrar nosso aniversário, estamos lançando uma nova seção em nosso blog chamada de MFC Playlist, no qual te convidamos a desfrutar dos títulos mais importantes da sétima arte.

 

Celebre com o My Family Cinema mais um ano de paixão por filmes!

 

 

5. Tempo de Violência — Quentin Tarantino, 1994
Título original: Pulp Fiction

 

 

Tirando seu nome da literatura pulp, este filme conta uma história criminosa que consolida o estilo que o diretor Quentin Tarantino estava desenvolvendo desde o seu primeiro filme Cães de Aluguel (1992).

 

A combinação da sua narrativa fragmentada, diálogos fantásticos e personagens carismáticos resulta em cenas poderosas de violência, que tornou o Pulp Fiction em uma parte essencial da cultura popular universal.

 

Esta obra de Quentin Tarantino foi a primeira a ganhar um Oscar por melhor roteiro original, em 1995, além de ser um grande tributo aos filmes que inspiraram o diretor.

 

 

Desfrute de nosso TOP 5 dos melhores filmes de Quentin Tarantino aqui

 

 

4. O Senhor dos Anéis: O Retorno do Rei — Peter Jackson, 2003
Título original: The Lord of the Rings: The Return of the King

 

 

A adaptação da obra mestre do escritor inglês J. R. R. Tolkien foi um ambicioso projeto cinematográfico que começou em 1997.

 

Os três filmes foram filmados ao mesmo tempo, o que resultou numa das maiores equipes de produção já criadas na história do cinema, gerando uma trilogia com 16 horas de duração, contando com as partes extras da versão estendida.

 

A ambição e dedicação investida neste filme resultou em uma obra cheia de beleza técnica e temática, convertendo Peter Jackson em um dos diretores mais respeitados da indústria e elevando o gênero de fantasia épica ao nível das melhores produções cinematográficas.

 

O Senhor dos Anéis: O Retorno do Rei foi nomeado a 11 categorias do Oscar, ganhando em todas em 2004, tornando a trilogia de O Senhor dos Anéis a franquia cinematográfica com mais nomeações a prêmios na história.

 

 

Conheça mais sobre a nova série do O Senhor dos Anéis aqui

 

 

3. Batman: O Cavaleiro das Trevas — Christopher Nolan, 2008
Título original: The Dark Knight

 

 

Dirigida por Christopher Nolan e protagonizada por Christian Bale e Heath Ledger, O Cavaleiro das Trevas foi o primeiro filme baseado em quadrinhos que alcançou uma bilheteria de um bilhão de dólares pelo mundo todo, ultrapassando o lucro de uma semana de estreia do Batman Begins (Christopher Nolan, 2005).

 

Foi um dos primeiros filmes de super-herói que lidou, de forma mais séria, com a moralidade, ética e justiça, tornando-se parte fundamental para o sucesso de outros futuros filmes do gênero.

 

O Cavaleiro das Trevas se sobressai com a brilhante construção do personagem do Coringa, interpretado por Heath Ledger, cuja habilidade para superar a versão de Jack Nicholson em Batman (Tim Burton, 1989) foi colocada em dúvida desde o início. Para se preparar para o papel, Ledger ficou em um quarto de hotel por seis meses, uma experiência que o ajudou a mergulhar na psique do personagem e, assim, desenvolver suas características físicas e mentais.

 

O filme recebeu 8 indicações ao Oscar de 2009 e Heath Ledger recebeu o prêmio póstumo de melhor ator coadjuvante, deixando como legado uma das melhores performances da história do cinema.

 

 

Saiba tudo sobre o próximo filme do Batman

 

 

2. O Poderoso Chefão e O Poderoso Chefão 2 — Francis Ford Coppola, 1972 e 1974
Título original: The Godfather and The Godfather: Part II

 

 

O legendário diretor Francis Ford Coppola criou duas obras de arte do cinema. Os dois filmes são uma adaptação do livro O Poderoso Chefão, escrito por Mario Puzo. Com um elenco de primeira que inclui Marlon Brando e Al Pacino, O Poderoso Chefão se destaca como um dos mais poderosos exemplos de significado e simbolismo no cinema.

 

Além de reinventar o gênero gangster, os filmes de O Poderoso Chefão oferecem uma história e um desenvolvimento de personagens impecáveis. Inúmeras citações de diálogos do filme se tornaram parte da cultura popular, além de ser a inspiração direta de outras produções clássicas como Os Bons Companheiros (Martin Scorsese, 1990) e Os Sopranos (David Chase, 1999-2007).

 

O Poderoso Chefão e O Poderoso Chefão 2 se tornaram um clássico que não podem ficar de fora de listas sobre melhores filmes. Ambos ganharam o Oscar de melhor filme e foram indicados a mais de 20 categorias.

 

 

1. Um Sonho de Liberdade — Frank Darabont, 1994
Título original: The Shawshank Redemption

 

 

Baseado no conto Rita Hayworth e a Redenção de Shawshank de Stephen King, o filme foi o debute do diretor Frank Darabont, que criou uma parceria com o escritor, levando-o a produzir o filme À Espera de um Milagre (1999), também baseada em uma obra de King.

 

Um Sonho de Liberdade aborda assuntos de grande carga emocional e filosófica como a justiça, a esperança e a autodeterminação, através da exploração da experiência dentro de uma prisão e o impacto que isso tem na perspectiva da vida. O jogo de câmeras e a narração adicionaram uma riqueza técnica que eleva Um Sonho de Liberdade no topo desta lista de melhores filmes.

 

Embora Um Sonho de Liberdade não tenha sido bem quisto pelas críticas inicialmente, o tempo o tornou num dos filmes mais aclamados de todos os tempos. Ainda, foi indicado a 7 Oscars, incluindo a categoria de melhor filme e melhor ator para Morgan Freeman, e sendo para sempre lembrado como uma das propostas mais valiosas na história do cinema.

 

 

Desfrute de nosso TOP 5 de filmes baseados nas histórias do Stephen King

 

 

Pode deixar seu comentário aqui:

Deje su respuesta

Seu email não será publicado. Campos requeridos marcados *