Godzilla II: Rei dos Monstros

 

MFC Resenha

 


 

Godzilla volta com força total para lutar com os melhores personagens da Toho em Godzilla II: Rei dos Monstros (2019), o filme mais recente do MonsterVerse.

 

Dirigido por Michael Dougherty (X-Men: Apocalipse, 2016), Godzilla II: Rei dos Monstros é uma sequência do Godzilla (Gareth Edwards, 2014) e conta com as performances de Millie Bobby Brown, Kyle Chandler, Vera Farmiga, Ken Watanabe, entre outros.

 

O filme introduz os kaijus mais conhecidos da franquia, Mothra, Rodan e Ghidorah, que também é conhecido como Monstro Zero. Alguns deles irão lutar com o Godzilla pelo título de Rei dos Monstros.

 

Diferentemente do filme de 2014, no qual só vemos Godzilla na segunda metade do filme, Godzilla II: Rei dos Monstros foca principalmente nas batalhas devastadoras entre os monstros colossais. O filme tem efeitos especiais poderosos e conta com grande atenção aos detalhes, recriando com sucesso a magnitude dos monstros e o impacto proporcional de seus encontros.

 

No entanto, para conseguir o bem-sucedido espetáculo visual do filme, outros aspectos foram negligenciados como, por exemplo, os conflitos dos personagens humanos deixados em segundo plano e como eles foram utilizados para exporem a narrativa do que já se via na tela. Os diálogos foram poucos desenvolvidos, assim como os personagens, o que dificulta o interesse pelas suas histórias e a empatia dos espectadores.

 

Apesar da crítica, o MonsterVerse prova que está no caminho certo quanto a sua recriação bem-sucedida do Godzilla e de outros monstros que fazem parte de seu universo. Esperamos que a Legendary Pictures e a Warner Bros. Pictures encontre o equilíbrio perfeito em Godzilla vs Kong, que será lançado em 2020.

 

 

Saiba mais sobre Godzilla vs Kong, o próximo filme do MonsterVerse

 

 

Pode deixar seu comentário aqui:

Deje su respuesta

Seu email não será publicado. Campos requeridos marcados *